domingo, 25 de dezembro de 2011

O dia de Natal

Este é o dia da recuperação, deitamo-nos tarde, queremos ficar na cama até mais tarde. Pelo menos para mim é assim, felizmente este ano o Natal foi muito calmo e pude ter um dia de preguiça para ver televisão e não me preocupar com casa e almoços e coisas do género. Aproveito para terminar uma almofada que estou a fazer em ponto cruz para uma senhora que era muito amiga da minha avó e que todos os anos se lembra que o meu avô adora tarte de amêndoa e lhe faz uma pelas festas. Este ano ela vai trazê-la no dia 31 e eu quero ver se consigo ter esse miminho preparado para lhe dar nesse dia, apesar de saber já que vai ser uma semana complicada porque tenho o pessoal todo na minha casa pela passagem de ano e vou andar a semana toda a correr de um lado para o outro.
Quem me conhece sabe que eu gosto de trabalhos manuais e com o objectivo de gastar menos dinheiro em prendas este ano coloquei um pouco em prática a ideia de oferecer coisas feitas por mim. Aqui fica um a das coisas que fiz, que acho que é relativamente fácil e que fiz usando materias que já tinha em casa com a excepção do chá que comprei, mas que este ano pretendo semear algumas plantas em vasos na minha varanda para poder oferecer chá cultivado por mim :)
Não é dificil, eu não sei cozer por isso fiz o saquinho em quadrilé para poder usar os buraquinhos como guia da linha para o unir, depois foi colocar as ervinhas dentro de um saco de plástico e dentro deste e fui à net ver as propriedades do ché e fiz uma nota em word a acompanhar. Claro que se a ideia for dar muitos destes saquinhos e melhor ir fazendo ao longo do ano.